Benefícios das metas no processo de aprendizagem

Publicado em: 29/08/2019 por: Assessoria de Imprensa SUPERA

Sabe-se que, biologicamente, as motivações ou os estados motivacionais são impulsos internos que nos levam a ajustes corporais, a um melhor processo de aprendizagem ou à realização de determinados comportamentos que estão ligados à sobrevivência da espécie, como em relação ao sexo, a alimentação, o ato de beber. Existem também os comportamentos ligados ao equilíbrio psicológico; o maior exemplo é a busca de fontes de prazer. Esta busca de fontes de prazer aciona uma rede neural, conhecida como sistema de recompensa.

Benefícios das metas no processo de aprendizagem - SUPERA - Ginástica para o Cérebro
Saiba como estabelecer metas interfere em nosso sistema de recompensa e processo de aprendizagem

Quando positivamente reforçados, os comportamentos são definidos como motivados, pois atuam como recompensa no circuito do sistema nervoso central. Ao oferecermos um reforço positivo para uma ação que estamos realizando, a chance desta ação ser aprendida, memorizada e bem-sucedida, vai ser maior.

Supera e você na Disney

Sabemos que na realização de tarefas que necessitam de um esforço pessoal, o indivíduo deve atuar com os reforços positivos, consigo mesmo e com as pessoas que o cercam. Exemplo: ao ser bem-sucedido em uma tarefa, como terminar um projeto em andamento, recordar uma informação desafiadora em um momento importante, estudar para uma prova, terminar os exercícios de uma apostila ou cumprir um roteiro de uma dieta alimentar

É importante valorizar o cumprimento das tarefas ou do processo de aprendizagem envolvido nelas, acionando o seu sistema de recompensa. Por cumprir suas metas você poderá fazer algo que lhe dará prazer, como fazer uma viagem curta, sair com os amigos, comer um alimento de sua preferência, ir ao cinema, ir ao show da sua banda preferida. São ações que atuam como reforços positivos e auxiliam na possibilidade do comportamento e das emoções atuarem de modo integrado, favorecendo no cumprimento de metas e de um processo de aprendizagem mais eficaz.

Somos os atores que comandam os nossos próprios comportamentos, sendo estes fundamentais para um melhor desempenho da aprendizagem e do cumprimento de metas estabelecidas.

Quando se espera um desempenho bem-sucedido em tarefas do cotidiano, sabe-se que as crenças que os indivíduos têm sobre suas habilidades mentais e sobre seu desempenho de memória também estão relacionados de maneira significativa com a condução da sua vida. Indivíduos com crenças positivas, com uma boa percepção sobre o desempenho de suas habilidades mentais se esforçarão mais para iniciar e concluir tarefas desafiadoras.

Por isso, é muito importante ter um autoconhecimento sobre suas potencialidades e dificuldades e acionar mecanismos internos, para avaliar-se positivamente e não desanimar para fazer desafiadoras em sua rotina. Esta percepção de que somos capazes de aprender e de ter um bom desempenho na realização de tarefas foi estudada por um neurocientista, chamado Albert Bandura.

Segundo ele, somos agentes condutores do nosso processo de aprendizagem a partir do momento que começamos a acreditar que somos capazes. Esta ação de termos confiança em nós mesmos recebeu o nome de auto eficácia, ou seja, o quanto acredito que tenho capacidade de realizar um desafio ou uma tarefa, sabendo quem eu sou e quais são minhas preferências.

Por isso, permita-se conhecer, valorize suas potencialidades, atue com poucas metas diariamente. A chance de cumpri-las será maior, seus desafios serão superados e seu sistema de recompensa será sempre estimulado.

Benefícios das metas no processo de aprendizagem - SUPERA - Ginástica para o Cérebro
Thais Bento Lima é gerontóloga e colunista do SUPERA Ginástica para o Cérebro

Assessoria de Imprensa SUPERA

Supera - Ginástica Cerebral, Pratique! Curso para todas as idades

Mantenha-se atualizado. Assine nossa Newsletter



Posts Relacionados