O que é autodidata e como identificar esse perfil na criança!

Publicado em: 05/08/2022 Por Supera

Criança inteligente aprende rápido, mas criança autodidata tem uma inclinação ainda maior para o aprendizado. Ela é curiosa, cognitivamente ativa e está sempre em busca de respostas para perguntas que não estamos acostumados a fazer. Aliás, será que você sabe identificar esse perfil nos pequenos?

O autodidatismo não é coisa de agora. Na verdade, ele sempre existiu. O que nós estamos descobrindo é como identificar esses traços nas crianças e, principalmente, de que maneira podemos estimular esse tipo de comportamento. Isso para que as novas gerações tenham mais liberdade ao aprender e possam desenvolver todo o seu potencial dentro e fora da sala de aula.

Ficou interessado pelo assunto? Então, acompanhe a leitura!

autodidata

O que significa ser autodidata?

Ao contrário do que muita gente acha, não é necessário haver genialidade para ser um autodidata. Na verdade, só é preciso curiosidade, interesse e força de vontade para incluir esse talento em um desenvolvimento saudável. Logo, um autodidata é caracterizado como aquele que não espera pelo conhecimento, mas tem iniciativa para desbravá-lo.

Podemos compreender o autodidata como a pessoa que ensina a si mesma. Isso não porque ela não precisa de um professor, mas porque, com uma pequena informação, ela consegue estabelecer seu próprio método de aprendizagem para se aprofundar mais e mais nos assuntos.

Por ter essa inclinação para o aprendizado autônomo, o autodidata organiza seus próprios horários, vai em busca de leituras e pesquisas complementares e está sempre indo além da informação que lhe foi passada. Assim, ninguém precisa ficar supervisionando seus estudos para que ele aprenda, pois, ele mesmo busca ampliar seus conhecimentos.

Alguns dos autodidatas famosos da história são:

  • Bill Gates — desenvolveu a Microsoft e os computadores pessoais quando eles ainda nem existiam;
  • Henry Ford — criou os primeiros carros da história da humanidade, além de dar origem às linhas de produção;
  • Walt Disney — deu vida aos desenhos animados, desbravando um novo mercado;
  • Santos Dumont — foi o primeiro homem a voar a bordo de um avião movido por um motor à gasolina;
  • Albert Einstein — descobriu a Física Moderna.

Quais são as características de uma criança autodidata?

Crianças autodidatas são dotadas de habilidades e características peculiares. Por isso, para identificar esses traços nos pequenos, é necessário estar atento aos seguintes sinais:

  • perfil mais desafiador e inquieto — são crianças que não se contentam com respostas curtas e óbvias, querem entender o porquê das coisas;
  • facilidade e rapidez no aprendizado — captam informações com uma velocidade incrível, pois estão sempre em busca de novos conhecimentos;
  • originalidade e imaginação aguçada — são capazes de gerar insights e conexões mentais criativas para propor soluções nada óbvias para diversos problemas e desafios;
  • alta capacidade de persuasão — geralmente se comunicam de forma assertiva e são naturalmente convincentes, dotadas de bons argumentos.

Como desenvolver o autodidatismo nas crianças?

Você pode incentivar seu filho a aprender sozinho. Quer ver só? Acompanhe algumas dicas!

Estimule metas de aprendizado

O primeiro passo é bem simples: você precisará estimular metas, pequenos marcos de aprendizado. Isso servirá para dar à criança um objetivo e gerará uma espécie de desafio. As metas podem ser simples, como:

  • cumprir um determinado cronograma de estudos;
  • ler uma quantidade de textos ou capítulos todos os dias;
  • assistir a um número de vídeos educativos por semana;
  • ouvir um podcast;
  • aprender sobre um assunto novo por semana.

Promova a autonomia

Outro ponto muito importante é permitir que a criança caminhe sozinha, faça suas próprias descobertas, escolha sobre o que ela quer investigar e eleja os seus próprios métodos. Isso vai tornar a busca pelo conhecimento algo ainda mais estimulante para ela.

Incentive a curiosidade

Para manter a motivação, é interessante colocar mais “lenha na fogueira” da curiosidade. Quando seu filho contar sobre algo que aprendeu, demonstre interesse, proponha novas pesquisas e questione sobre coisas que ele ainda não sabe.

Viu só? Não é tão difícil estimular uma criança autodidata em casa. Agora que você já sabe como fazer isso, pode propor seus próprios desafios para os seus filhos e se deliciar com todas as descobertas feitas por eles.

Gostou do conteúdo? Então, aprenda um pouco mais a respeito da mente das crianças lendo o nosso post sobre Desenvolvimento do Cérebro!

Compartilhar este artigo

Gostou desse conteúdo? Deixe um comentário ;)

  • Nenhum comentário ainda

Nenhum comentário para "O que é autodidata e como identificar esse perfil na criança!"

Faça um comentário

SUPERA PRESENCIAL

O Supera Ginástica para o Cérebro é voltado para todas as pessoas a partir de 5 anos, sem limite de idade. O curso potencializa a capacidade cognitiva aumentando a criatividade, concentração, foco, raciocínio lógico, segurança, autoestima, perseverança, disciplina e coordenação motora. As aulas, ministradas uma vez por semana com duração de duas horas, são dinâmicas e contagiantes, com atividades que agradam todo tipo de público.

SUPERA para escolas Método de estimulação cognitiva

Exclusivo para Instituições de Ensino. O SUPERA é a mais avançada ferramenta pedagógica de estimulação cognitiva e, portanto, representa um grande diferencial para sua instituição de ensino. Além de ser um excelente recurso de marketing, o método melhora o desempenho dos alunos e eleva os índices de aprovação da sua escola.

Franquia SUPERAEmpreenda em Educação

Criado em 2006, o SUPERA é hoje a maior rede de escola de ginástica para o cérebro do Brasil. Em um ano de operação, entrou para o sistema de franquias e hoje já possui 400 unidades no país. O curso, baseado em uma metodologia exclusiva e inovadora, alia neurociência e educação. Se você tem interesse em empreender nesta área, deixe seu cadastro em nosso site.