5 hábitos que podem melhorar suas conversas (e relações)

Publicado em: 03/03/2022 Por Assessoria de Imprensa SUPERA

São muitas as pessoas que se queixam de não conseguir estabelecer vínculos mais profundos ou apenas conversar adequadamente com outras ao seu redor, algumas, inclusive, relatam que só conseguem se expressar por meio das redes sociais, o que, a depender da frequência, pode ser prejudicial.

Por isso, no artigo de hoje vamos falar sobre comunicação e como melhorar suas relações em 2022.

Comunicação, um desafio

Após 2 anos de restrições sociais, podemos enfim, conversar presencialmente. No entanto, a dificuldade de comunicação ocasionada pela pandemia ainda está presente na vida de muitas pessoas que não conseguem se comunicar e estabelecer vínculos mais profundos.

Comunicação é algo que para muitos é bem simples, para outros pode ser uma grande dificuldade, que pode interferir em relações de amizade, amorosas e um eventual fechamento de negócios. Timidez, dificuldade em se expressar ou nervosismo estão entre os fatores que tornam a comunicação ainda mais desafiadora.

Por isso, vamos falar um pouco sobre formas para promover uma boa comunicação por meio de 5 hábitos que podem (e vão) melhorar suas relações em 2022.

5 hábitos que podem melhorar suas conversas (e relações) - SUPERA - Ginástica para o Cérebro

Como melhorar suas relações em 2022?

1) Pergunte

Imagine que você está em uma conversa na qual seu parceiro fala sobre determinado assunto. Você, além de ouvi-lo, faz perguntas que o motivam a dar continuidade ao tema e até mesmo se aprofundar. Essa é uma situação na qual por meio de perguntas você demonstrou interesse e contribuiu para uma comunicação efetiva.

Durante uma conversa é comum que tenhamos algumas atitudes egocêntricas ao falar apenas sobre nós mesmos e assuntos do nosso interesse, mas saber escutar o outro e expressar interesse pelo assunto que ele ou ela fala é um bom hábito para melhorar suas relações. Isso é provado pelo estudo da Profa. Karen Huang, professora da Universidade de Georgetown, nos EUA.

Segundo a pesquisa feita por Huang, o uso de perguntas durante uma conversa é capaz de tornar o indivíduo mais simpático. Essa também pode ser a saída para aqueles que se consideram tímidos e têm certa dificuldade em falar sobre si mesmo, ao realizar perguntas você pode aprender mais sobre o outro e, quando se sentir confortável, falar sobre assuntos do seu interesse.

5 hábitos que podem melhorar suas conversas (e relações) - SUPERA - Ginástica para o Cérebro

2) Contextualize

Muitas vezes quando estamos falando sobre algum assunto, sobretudo daqueles que temos pleno domínio, nos esquecemos de que o outro pode não compreendê-lo efetivamente, e isso pode causar ruídos no processo comunicativo, como o desinteresse de quem escuta e até mesmo uma construção equivocada da sua imagem, dando a impressão de que sua intenção é desvalorizar seu ouvinte.

Para impedir que isso aconteça, procure contextualizar os assuntos que você se propõe a tratar e certifique-se de que seu ouvinte o compreenda bem para que, com isso, vocês tenham uma troca de informações mútua.

3) Se aprofunde

É também enriquecedor quando nos prestamos a trocar ideias sobre determinado assunto de maneira mais aprofundada, saindo do óbvio e indo a fundo durante a conversa. Esse tipo de atitude oferece uma troca mútua na qual temos a oportunidade de conhecer ainda mais a mente daquele que conversamos e ele, por outro lado, mostra apreço e atenção conosco.

5 hábitos que podem melhorar suas conversas (e relações) - SUPERA - Ginástica para o Cérebro

4) Foco na comunicação

Você provavelmente já presenciou uma situação na qual alguém falava e o ouvinte mostrou-se indiferente ou até mesmo distraído durante o diálogo, seja mexendo no celular ou dando atenção à conversa do lado. Isso é comum, mas não deveria, pois prejudica as relações comunicativas entre as pessoas.

Aquele amigo que só fica no celular ou aquela pessoa super distraída podem ser vistos como desinteressados e, com isso, ficar de fora das próximas conversas.

Quando estiver conversando com alguém procure se concentrar no momento e certifique-se de que não está sendo levado pelas distrações. Esteja certo que, dando atenção ao seu parceiro comunicativo, ele construirá uma imagem positiva de você!

5) Escute

Por último, mas não menos importante, na verdade, um tópico consideravelmente relevante em todos os tipos de relações sociais: saber escutar.

Uma boa comunicação não envolve somente saber transmitir ideias mas também respeitar o tempo do outro e saber ouvir o que ele tem a dizer. Procure compreender qual o momento certo para falar e perceber quando é sua hora de apenas escutar.

5 hábitos que podem melhorar suas conversas (e relações) - SUPERA - Ginástica para o Cérebro

Além de escutar, é preciso que tenhamos a habilidade de compreender o outro, o que pode ser difícil sobretudo quando aquilo que é dito vai contra o que defendemos.

No entanto, reconhecer diferentes formas de pensamento e construção da realidade é um passo importante para nossa própria evolução enquanto seres humanos, neste sentido, é preciso entender que nem sempre nossos posicionamentos condizem com a realidade de muitos e, a partir disso, buscar entender as formas com as quais cada ser humano se constitui e melhorar nossas relações afetivas, mesmo com divergências de ideias das mais diferentes ordens.

Interessante não é mesmo? Aproveite para conhecer o Método SUPERA. Clique AQUI e agende sua experiência SUPERA!

Compartilhar este artigo
  • LinkedIn
  • Share

Gostou desse conteúdo? Deixe um comentário ;)

  • Visualizar os 10 comentários

10 comentários para "5 hábitos que podem melhorar suas conversas (e relações)"

Faça um comentário

  • Maria Aparecida Guimarães Machado disse:

    Gostei muito da matéria

  • Ana disse:

    Parabéns pelo conteúdo. Saber conversar é essencial para mantermos nossa saúde metal e hoje o saber ouvir está ficando raro, infelizmente.

  • Maria Luiza Vilela Franco disse:

    Adorei
    Muito instrutivo

  • Ivonete Salomé Freire De Melo disse:

    Gostei muito do assunto abordado parabéns ao Supera!
    Eu sou aluna do Supera em Jundiaí!
    No Supera Vila Arens

    Obrigado!

  • Camilo Oliveira disse:

    Quando estamos conversando com alguém e manifestamos dúvidas sobre o assunto, o interlocutor fica ciente de que estamos atentos; só precisa tomar cuidado para não perguntar algo que que tenha acabado de ser respondido e aí voce vai mostrar que não estava atento;

    Naõ necessariamente precisam ser perguntas, mas o simples manuseio da cabeça ou pequenas interjeçoes já estimulam a continuidade da conversa.

  • Erika Farny disse:

    Ótimas as indicações!

  • Janilza disse:

    Ótima matéria. Me remete à Carl Rogers.

  • Elenice disse:

    Excelente cknteu

  • Eliane disse:

    Gostei!!! Isso ajuda a refletir a importância de ouvir o outro e evitar desatenção .

  • Maria do Rosário Araújo da Silva Amaral disse:

    Sobre o assunto, acho muito oportuno se falar sobre isso. Tenho a sensação de que estamos meio deslocados após a entrada da Pandemia. Sinto-me meio fora de órbita, muita tecnologia de forma avassaladora, distanciamento das pessoa, frieza, indiferença até dentro de casa, cada um no seu celular, muito desafiador.

SUPERA PRESENCIAL

O Supera Ginástica para o Cérebro é voltado para todas as pessoas a partir de 5 anos, sem limite de idade. O curso potencializa a capacidade cognitiva aumentando a criatividade, concentração, foco, raciocínio lógico, segurança, autoestima, perseverança, disciplina e coordenação motora. As aulas, ministradas uma vez por semana com duração de duas horas, são dinâmicas e contagiantes, com atividades que agradam todo tipo de público.

SUPERA para escolas Método de estimulação cognitiva

Exclusivo para Instituições de Ensino. O SUPERA é a mais avançada ferramenta pedagógica de estimulação cognitiva e, portanto, representa um grande diferencial para sua instituição de ensino. Além de ser um excelente recurso de marketing, o método melhora o desempenho dos alunos e eleva os índices de aprovação da sua escola.

Franquia SUPERAEmpreenda em Educação

Criado em 2006, o SUPERA é hoje a maior rede de escola de ginástica para o cérebro do Brasil. Em um ano de operação, entrou para o sistema de franquias e hoje já possui 400 unidades no país. O curso, baseado em uma metodologia exclusiva e inovadora, alia neurociência e educação. Se você tem interesse em empreender nesta área, deixe seu cadastro em nosso site.