A terceira Idade e a Ginástica Cerebral no SUPERA

Publicado em: 22/01/2015 por: Barbara

A terceira idade é um momento ímpar em nossas vidas. Traz consigo as experiências de uma jornada repleta de desafios, conquistas, transformações e superações, recheadas de projetos, buscas, medos, coragem e com dinamismo de viver com intensidade e saúde mental e física as potencialidades e limitações que a idade nos traz.

Na terceira idade, normalmente reduzimos as atividades relacionadas ao trabalho e aos afazeres diários com a família e as ações sociais. Podemos, nesse contexto, assumir posturas diferenciadas: deixar nosso cérebro na zona de conforto, entrando em uma vida rotineira e sem motivação, colocando em risco nossa saúde cerebral; ou buscar atividades diversificadas e prazerosas que nos permitam viver mais e melhor. Optar pela saúde é sempre o melhor negócio não é mesmo?

O SUPERA, conhecendo bem as especificidades dessa fase, propõe ações de ginástica cerebral com ferramentas diferenciadas e consistentes, assegurando-se o enfrentamento de desafios variados, constantes e gradativos que permitem a manutenção de um cérebro ativo em função dos estímulos cognitivos recebidos. Além disso, as aulas em pequenos grupos possibilitam inter-relações saudáveis com troca de experiências que permitem manter acesas memórias antigas e recentes, fortalecendo a saúde mental.

Tais desafios são postos de maneira prazerosa ao longo das aulas, a fim de que os alunos sintam-se convidados a vivenciá-los, deixando ao longe a insegurança e a sensação de incapacidade. Ao lidar com o ábaco, nossa principal ferramenta, a concentração e a agilidade de raciocínio são apuradas, ao mesmo tempo em que a coordenação motora fina se mantém ativa, mantendo saudáveis tanto o cérebro quanto a agilidade motora em exercício.

Ao lidarem com os desafios diversificados da apostila Abrindo Horizontes, individual ou coletivamente, os alunos mantêm tanto as inteligências intra e interpessoal, quanto a criatividade em alta, além de exercitarem o raciocínio lógico com desafios prazerosos e diferenciados. Ora, nada melhor do que sentir-se capaz, pertencente e respeitado no meio o qual fazemos parte. O ser humano, cada vez com maior longevidade, carece transformar antigas concepções de uma velhice pacata, dependente e triste, para uma velhice ativa, íntegra e feliz.

Além de Sudoku, Hitori, Hashi, Mosaicos, Origami, dentre outros, lidar de maneira divertida com a tecnologia, cuidando da saúde mental, faz toda diferença. Por meio de jogos diversos no Supera Online, em programa de treinamento personalizado, os alunos aprimoram habilidades como a atenção, a memória, o raciocínio lógico, a linguagem e a visão espacial. Por que escolher a vida pacata que, além de nos fazer mal, é desinteressante, se podemos ter mais saúde de maneira prazerosa?

Limitações fazem parte de nossas vidas e definem cada uma de suas fases. Saber vivê-las bem é saber viver com sabedoria. Ter saúde é manter nossa saúde mental. Respeitar nossos limites e alimentar nossas potencialidades é gostar de nós mesmos. É deixar heranças da sabedoria de não apenas viver, mas de viver muito bem.

Por Simone Vieira de Melo Shimamoto

Gestora Pedagógica

Método Supera Uberlândia

Supera - Ginástica Cerebral, Pratique! Curso para todas as idades

Mantenha-se atualizado.
Assine nossa Newsletter

Posts Relacionados