SUPERA participa de Simpósio Internacional sobre saúde do cérebro

Publicado em: 11/04/2019 por: Assessoria de Imprensa SUPERA

A equipe do Método SUPERA está sempre atualizando seus conhecimentos para oferecer aulas modernas e efetivas no desenvolvimento do cérebro. Por isso, participa do Simpósio Satélite, da Alzheimer’s Association International Conference – AAIC, em parceria com o Global Brain Health Institute (GBHI), entre os dias 10 e 12 de abril, em São Paulo.

SUPERA participa de Simpósio Internacional sobre saúde do cérebro - SUPERA - Ginástica para o Cérebro
Dra. Thaís Bento Lima, gerontóloga da USP e colunista SUPERA juntamente com Luiz Moraes, sócio-diretor da rede SUPERA presentes no Simpósio sobre saúde do cérebro

O objetivo é explorar a pesquisa sobre demências na América Latina com especialistas de todo o mundo, como
Harry Jonhs (Presidente Alzheimer’s Association), Victor Valcour (Diretor do Programa – Global Brain Health Institute), Ana Luisa Sosa (México) e Agustin Ibanez (Presidente do Consórcio Latino-Americano em Demência), Dra. Sônia Brucki e Dr. Ricardo Nitrini (ambos da USP), Dr. Paulo Bertolucci (Unifesp) e Dr. Paulo Caramelli (UFMG).

Na conferência, eles discutem uma ampla gama de tópicos importantes, como a importância de atuarmos com medidas preventivas para que a população evite os fatores de risco que causam as demências.

 “Estar em meio à abordagem destes temas tão importantes e levar isso para o SUPERA, faz a diferença em diversos sentidos, de forma que os alunos sentem na ponta. As informações adquiridas fomentam os conhecimentos da equipe responsável pelos roteiros de aula, que por sua vez, adotam técnicas e práticas atualizadas para desenvolver o máximo do potencial do cérebro, utilizando informações privilegiadas que vieram diretamente das principais fontes e referências mundiais no assunto”, explica Luiz Moraes, Sócio-Diretor do SUPERA e representante da marca no simpósio.

Supera e você na Disney

Ele destaca ainda que o objetivo do SUPERA é promover a saúde através do incentivo à prática da estimulação cognitiva e de recursos educativos para a adesão aos hábitos de vida saudáveis.

Outra profissional que esteve presente é Thaís Bento Lima, Gerontóloga e parceira do SUPERA. Ela explica que este evento já aconteceu em países da América do Norte e Europa, e o Brasil foi contemplado para recebe-lo este ano pela primeira vez.

“O evento também destaca a importância de treinarmos profissionais que atuam com idosos a se aprimorarem na área de saúde mental, pois reconhecem as demências como um problema de saúde pública nos países em desenvolvimento e entendem que a atuação nesta área é interdisciplinar e multiprofissional ou seja envolve as diferentes áreas do saber”, conta, ainda em participação no evento.

SUPERA participa de Simpósio Internacional sobre saúde do cérebro - SUPERA - Ginástica para o Cérebro
Simpósio Internacional traz as últimas novidades sobre saúde e desenvolvimento do cérebro

Thaís prossegue dizendo que obteve no evento a informação de que o Brasil é um dos países em que as famílias mais gastam para cuidar de um paciente com demências. Por isso, a importância de pensarmos em ações preventivas.

Por que a ginástica para o cérebro é importante neste sentido?

O envelhecimento causa mudanças físicas, psicológicas e sociais. É preciso redobrar o cuidado com a saúde, cuidar da mente e frequentar locais que permitam a integração social.

Por isso, a ginástica para o cérebro é uma excelente aliada. Por meio de atividades que tiram o cérebro da zona de conforto, a prática fortalece as ligações entre os neurônios, responsáveis pelo bom desempenho do cérebro.

Entre os métodos, estão jogos de estratégia e até mesmo de cartas, desafios de lógica, atividades que podem ser feitas em grupo ou de forma individual, no computador ou com objetos, caneta e papel.

Assim, é possível manter habilidades cognitivas, como memória, concentração, raciocínio e coordenação motora, além de prevenir o aparecimento dos sintomas do Alzheimer; fazendo muitas vezes com que eles não cheguem a prejudicar a vida do indivíduo.

Além disso, a ginástica para o cérebro também promove o desenvolvimento de habilidades socioemocionais, como autoestima e sociabilidade, importantes para a qualidade de vida.

Isabella Rabelo – Comunicação Método SUPERA

Assessoria de Imprensa SUPERA

Supera - Ginástica Cerebral, Pratique! Curso para todas as idades

Mantenha-se atualizado.
Assine nossa Newsletter

Posts Relacionados