Pai que é pai brinca com o filho

Publicado em: 14/08/2014 por: Barbara

Pai que é pai brinca com o filho

Brincar com os filhos estreita a relação e desenvolve capacidades cognitivas

A rotina corrida encurtou o tempo dos pais com os filhos. Mas poderia haver na vida momento mais precioso e importante para uma criança?

Além de ser prazeroso, participar ativamente do desenvolvimento do filho é fundamental para o bom aprendizado. De acordo com Geomacel Carvalho, Coordenador Pedagógico Nacional do SUPERA Ginástica para o Cérebro, ajudar nas tarefas da escola e ter os momentos de brincadeiras juntos aumentam as notas e melhoram as relações interpessoais.

“As brincadeiras com as crianças fortalecem os vínculos entre pais e filhos, além de serem uma forma de aprendizado descontraída, por estar baseada em situações simuladas. Isso fortalece  a inteligência emocional, preparando a criança para relações saudáveis no grupo de convivência”, conta Geomacel, que é também pai de dois meninos.

Supera e você na Disney

Para ele, incluir atividades que trabalhem a linguagem e a imaginação são excelentes estímulos para os pequenos. Abaixo, algumas dicas para você brincar em casa com seu filho:

Stop (brincadeira para relacionar  nomes de pessoas ou objetos): estimula a linguagem argumentativa, memória, concentração, velocidade e raciocínio lógico.

Contar histórias: comece a contar uma história e peça para a criança continuar. Isso estimula a criatividade e a imaginação.

Jogos de tabuleiro: estimulam raciocínio lógico, foco, atenção e concentração.

Xadrez: estimula concentração, estratégia e tomada de decisão.

Essas brincadeiras desenvolvem habilidades cognitivas necessárias para a vida futura da criança, uma vez que estão extremamente ligadas ao comportamento de liderança.

Ao brincar, a criança cria situações imaginárias em que se comporta como se estivesse agindo no mundo adulto. Enquanto brinca, seu conhecimento sobre o mundo se amplia, pois os objetos, o espaço e os gestos ganham novos significados.

Os jogos têm papel fundamental no processo de ensino e aprendizagem das crianças. Com as aulas de exercícios para o cérebro do SUPERA, os jogos aprimoram habilidades cognitivas e estreitam a relação com o conhecimento que possuem.

O gosto pelo lúdico e o domínio das ações fazem com que a criança tenha iniciativa e autoconfiança, proporcionando o desenvolvimento da linguagem, do pensamento e da concentração.

Em casa, os pais podem praticar exercícios para o cérebro com os filhos com alguns jogos de tabuleiro, como Abalone, Rammikub e Blukus usados no SUPERA.

 

 

 

Barbara

Supera - Ginástica Cerebral, Pratique! Curso para todas as idades

Mantenha-se atualizado.
Assine nossa Newsletter

Posts Relacionados