Como driblar a ansiedade na quarentena?

Publicado em: 16/04/2020 Por Assessoria de Imprensa SUPERA

O momento de quarentena e isolamento social têm trazido uma série de reflexões e incertezas. Diante de um cenário mundial, onde lidamos com notícias diárias, onde estamos longe de família e amigos e tivemos uma mudança em nossa rotina, nossa saúde mental acaba sofrendo algumas consequências. Sentimentos de angústia, medo e ansiedade são cada vez mais frequentes. Mas como driblar a ansiedade e passar por esse momento com mais entusiamo e pensamento positivo?

Como driblar a ansiedade na quarentena? - SUPERA - Ginástica para o Cérebro
A psicóloga e especialista em gestão de pessoas, Raquel Atty, nos fala em entrevista como lidar com a ansiedade durante o período de isolamento social.

Em entrevista ao Método SUPERA, a psicóloga e especialista em gestão de pessoas, Raquel Attuy, esclarece o que é ansiedade e como lidar com esse sentimento durante o isolamento social. Confira na íntegra.

MS: O que é ansiedade? RA: Existem dois tipos de ansiedade. Primeiro, temos um grupo onde a ansiedade é constante , permanente – nós chamamos esse grupo de ansiedade generalizada. Normalmente, ela tem uma durabilidade maior , é um sentimento de angústia e medo constantes, os sentimentos acabam levando a uma tensão, irritabilidade e normalmente, por até 6 meses seguidos. Agora, existe o outro grupo, que são as chamadas crises de pânico. São crises mais pontuais e aí vem em forma de crise intermitente; às vezes tem um período determinado, às vezes tem uma recorrência mais curta, mais prolongada – é muito mais focado à questão de crises agudas. É uma intensa ansiedade que vem e ela pode vir com diferentes sintomas, muitas vezes variados.

MS: Quais são os principais sintomas que podem configurar ansiedade?RA: Os sintomas da ansiedade generalizada podem ser: uma angústia persistente, um estado de tensão onde você se sente muito preocupado, nervoso, com irritabilidade – isso de uma maneira frequente. Muitas vezes, apresenta a questão de insônia, dificuldade de relaxar, dificuldade de concentração. Tudo isso está dentro da ansiedade generalizada. Outras situações comuns também são algumas expressões físicas, como a cefaléia, enxaquecas, dores musculares, queimações no estômago, taquicardia, tontura, formigamentos, sudorese fria. Já no ataque de pânico ou nas crises de ansiedade mais pontuais, existe uma descarga do sistema nervoso autônomo. Alguns sintomas que vêm junto com isso são a taquicardia, suor frio, tremores, desconfortos respiratórios, sensação de asfixia, náuseas, formigamento dos membros e do lábios. Então, é muito comum encontrarmos esses tipos de sintomas.

MS: O que a ansiedade pode causa na qualidade de vida das pessoas?RA: Em linhas gerais, tudo o que causa sofrimento diante dos sintomas ansiosos pode impactar e prejudicar a interação social desse indivíduo. Principalmente também a sua vida ocupacional, atrapalhando nas interações de trabalho, produtividade. A impotência e a falta de controle do que ele está sentindo causam um desespero e um desequilíbrio, que podem impactar em diversas áreas da vida.

MS: Esse momento de solidão e quarentena pode desencadear sintomas de ansiedade. Quais são as principais dicas para driblar esse sentimento? RA: Para aqueles que já tem uma certa predisposição, esse momento de quarentena pode intensificar os sintomas. Isso porque, muitas vezes, todos os desdobramentos e mecanismos de enfrentamento estão mais limitados – como as atividades físicas, a interação social, a rotina do dia a dia. Quando não nos deixamos paralisar pela ansiedade, damos continuidade às atividades laborais e administramos tudo isso em paralelo com terapias. Mas agora, nesse contexto de quarentena, a tendência de crises de ansiedade aumenta. Para driblarmos isso é preciso primeiro, reconhecer os sintomas, olhar os sinais do seu corpo e começar a nominar esses sinais. Entender o que está acontecendo com você. Depois disso, segundo ponto é verbalizar, compartilhar, falar com seus parentes e amigos, buscar um acolhimento emocional, buscar ajuda psicológica. Os atendimentos psicológicos on-line nesse período estão cada vez mais intensos, para dar apoio e mostrar como driblar da melhor maneira possível essa crise mundial. Períodos intensos de isolamento costumam ter seus impactos, é normal que nosso corpo e mente se desequilibrem.

MS: Como os cuidados com a mente podem ajudar? RA: A ginástica para o cérebro mantêm uma mente saudável. E o que é ter uma mente saudável nesse momento de crise? É uma mente que é produtiva, que consegue dispersar o foco desses fatores limitantes que estamos vivendo, que exerce criatividade, que é constantemente estimulada e consegue não ficar travada em frente ao medo. O SUPERA, nesse momento, ele é altamente estratégico para que aqueles que estão no isolamento não paralisem. Quanto mais você manter sua mente saudável e ativa, mais você consegue prevenir a associação de doenças e crises em termos da ansiedade.

Tatiana Olivetto – Assessoria de Imprensa e Comunicação Método SUPERA

Compartilhar este artigo
  • LinkedIn
  • Share

Gostou desse conteúdo? Deixe um comentário ;)

  • Nenhum comentário ainda

Nenhum comentário para "Como driblar a ansiedade na quarentena?"

Faça um comentário

SUPERA PRESENCIAL

O Supera Ginástica para o Cérebro é voltado para todas as pessoas a partir de 5 anos, sem limite de idade. O curso potencializa a capacidade cognitiva aumentando a criatividade, concentração, foco, raciocínio lógico, segurança, autoestima, perseverança, disciplina e coordenação motora. As aulas, ministradas uma vez por semana com duração de duas horas, são dinâmicas e contagiantes, com atividades que agradam todo tipo de público.

SUPERA para escolas Método de estimulação cognitiva

Exclusivo para Instituições de Ensino. O SUPERA é a mais avançada ferramenta pedagógica de estimulação cognitiva e, portanto, representa um grande diferencial para sua instituição de ensino. Além de ser um excelente recurso de marketing, o método melhora o desempenho dos alunos e eleva os índices de aprovação da sua escola.

Franquia SUPERAEmpreenda em Educação

Criado em 2006, o SUPERA é hoje a maior rede de escola de ginástica para o cérebro do Brasil. Em um ano de operação, entrou para o sistema de franquias e hoje já possui 400 unidades no país. O curso, baseado em uma metodologia exclusiva e inovadora, alia neurociência e educação. Se você tem interesse em empreender nesta área, deixe seu cadastro em nosso site.