Dicas para envelhecer com saúde

Publicado em: 17/03/2016 por: Barbara

ginástica cerebralO envelhecimento é um processo contínuo que faz parte da biologia dos seres humanos. Ficamos mais velhos a cada dia e, para que este processo aconteça de forma positiva, é preciso manter hábitos saudáveis desde a infância.

De acordo com o Relatório Mundial de Envelhecimento e Saúde, divulgado pela OMS (Organização Mundial da Saúde) em 2015, uma criança nascida no Brasil em 2015 pode esperar viver 20 anos mais que uma criança nascida há 50 anos.

Esse dado mostra que, quanto mais pessoas chegam a idades avançadas, há evidências de que muitas estão repensando sobre em que condições financeiras, mental e até mesmo física, querem estar na velhice.

Ao invés de passar anos extras de outras maneiras, a maioria delas pensa em talvez estudar mais, ter uma nova carreira ou buscar uma paixão antiga.  Além disso, conforme as pessoas mais jovens esperam viver mais tempo, elas também podem realizar planejamentos diferentes, por exemplo, iniciar suas carreiras mais tarde e passar mais tempo no início da vida para criar uma família.

Supera e você na Disney

Contudo, a amplitude das oportunidades que surgem do aumento da longevidade dependerá muito de um fator fundamental: a saúde. Se as pessoas vivem esses anos extras de vida com boa saúde, sua capacidade de realizar as tarefas que valorizam será um pouco diferente em relação a uma pessoa mais jovem. Se esses anos a mais são dominados por declínios na capacidade física e mental, as implicações para as pessoas mais velhas e para a sociedade é muito mais negativa.

Portanto, preparamos uma lista com sete hábitos de vida saudáveis para envelhecer com qualidade de vida:

Seguir uma alimentação balanceada;

Atividade física regular;

Ginástica cerebral;

Integração social;

Controle de riscos ambientais para quedas;

Não ao tabagismo e ao alcoolismo;

Não a automedicação.

Com base nessas dicas, é possível dizer, de acordo com o Relatório, que o envelhecimento saudável é um processo de desenvolvimento e manutenção da capacidade funcional que permite o bem-estar em idade avançada.

Estimulação cognitiva

Práticas saudáveis associadas à ginástica cerebral resultam em qualidade de vida. Isso significa que além de ter boa saúde, o seu cérebro também estará em forma.
Mas como isso acontece? A base da ginástica cerebral está na novidade, na variedade e nos desafios crescentes. No SUPERA, os alunos são incentivados a vencerem desafios, encontrarem soluções criativas para seus problemas e a pensar de forma diferente. O cérebro, apesar de ser um órgão “requisitado” o tempo todo, tem tendência a ser preguiçoso, a funcionar no piloto automático. Por isso, é importante fazer exercícios que exigem pensamento e raciocínio.

Por Bárbara Rocha

Barbara

Supera - Ginástica Cerebral, Pratique! Curso para todas as idades

Mantenha-se atualizado.
Assine nossa Newsletter

Posts Relacionados